30 de mar de 2011

Foda-se o self

É na hora que tudo se desfaz
É na hora que se ferve
É na hora que mais me dói
É nessa hora que eu encontro
...o poço dentro de mim

A hora de assumir
A hora de encarar
A hora de reerguer
A hora de sobreviver me mostra
... o doloroso valor real

E é na hora do tombo
na hora de calar-se
na hora de auto consumir-se
É na hora de quase morrer
...o aperfeiçoamento do self.

Um comentário:

kirah disse...

Porque muitas vezes são esses momentos que determinam o rumo das nossas vidas!
Sddes das tuas palavras Debby, estou por cá novamente...

bjus da kirah